terça-feira, 28 de junho de 2011

Sim, Jesus amou-me...

Apocalipse 3-21

"Ao que vencer, lhe concederei que se assente comigo no meu trono, assim como eu venci e me assentei com meu Pai no seu trono".



A Paz do Senhor a todos.

Os dias têm sido difíceis irmãos, só a graça do Senhor Jesus para nos ajudar mesmo. Vejo muitos se afastando da fé, vivendo conforme querem. São poucos os que zelam pela santidade, da qual o Senhor se agrada.

Muitos estão completamente desobedientes à Palavra, e por viverem cegos no engano do pecado, imaginam que estão certos, mesmo estando totalmente "tortos". Como consequência do erro, vivem apartados da santa vontade de Deus e não aceitam a Sã Doutrina. Costumam dizer: " Isso não existe. Deus me ama do jeito que eu sou e conforme eu penso e ando ".

Na verdade, isso é que o inimigo quer que pensemos. Queridos, existe um padrão de comportamento, a ser adotado, para entrar onde o Santo dos Santos reside, a saber, o céu, devemos estar trajados com as vestes nupciais.

Confira o que nos diz a bíblia:

Mateus 22:11-12a
 "e o rei, entrando para ver os convidados, viu ali um homem que não estava trajado com veste nupcial. E disse-lhe: Amigo como entraste aqui não tendo veste nupcial?".

Podemos observar ainda no livro de Gênesis 6:13

"Então disse Deus a Nóe : O fim de toda carne é vindo perante a minha face; por que a terra está cheia de violência e eis que os desfarei com a terra".

Creio que pouca coisa mudou desde então. Hoje, as pessoas vivem cegas no pecado. Tudo parece normal, sim normal, hoje é "normal" adulterar, matar, roubar, mentir, caluniar, invejar, xingar, ter relações homossexuais na TV e o pior é que grande parte não vê problema algum Muitos chegam a recomendar tais práticas.

Outro ponto que temos observado é a ganância por status social. Quase todos estão tão preocupados em acumular riquezas que se esquecem até mesmo de sí. As pessoas pensam em ganhar dinheiro além do que precisam, tudo para comprar carros luxuosos, mansões, serem famosos e alcançarem toda sorte de desejos materiais. Nessa correria contra o relógio, a saúde fica prejudicada, os relacionamentos distanciados, a fé abalada e até mesmo o tempo para cuidar do corpo fica prejudicado. Há que se encontrar o verdadeiro sentido da vida.

Irmãos, será que é preciso almejarmos tudo isso? A Terra é recheada de dor e sofrimento. Existem alegrias, mas todas vazias sem Jesus. Muitos se esquecem que existe um lugar onde estaremos com o Senhor, que é mais precioso que qualquer riqueza existente nesse mundo.

Eclesiastes 1-2

"Vaidade de vaidades! - diz o pregador, vaidades de vaidades! é Tudo vaidade".

Conforme conferimos na sagrada Escritura, todas as gerações passadas foram corrompidas pelos deleites, costumes desse mundo, que o inimigo oferece. Penso que devemos esquecer das coisas desse mundo (pecados). Nosso maior foco deve ser viver uma vida de santidade, longe do pecado.

Mateus 22-14 

"Porque muitos serão chamados mais poucos escolhidos".

Irmãos, muitos são chamados pelo Senhor, mas desistem no meio do caminho e são tragados pelo maligno. Grande parte não consegue voltar à comunhão com Deus e permanecem com as amaras de Satanás. Para essas pessoas que desistiram por alguma coisa ou decepção que os fez se afastar do Senhor, eu digo nesse blog que retornem e creiam que o Poderoso e Grande Rei dos Reis vai te ajudar a retomar na caminhada, por que ele é Deus de compaixão e de  misericórdia.

Estejamos preparados para o " Ide " por que são muitos que descem à sepultura sem conhecer o amor do nosso Deus.

Confesso que já fui escarnecido (zombado), mas cri no meu chamado e fui firme em meu próposito de seguir os passos de Jesus. Acredito que algumas dificuldades que passamos elevam a glória do Senhor, pois quando estamos com Jesus o mundo nos odeia e nós nos tornamos luz. Vivamos uma vida olhando para o alto, paradoxalmente falando, pois do céu há de vir o nosso Redentor.

Postagens Relacionadas

Sim, Jesus amou-me...
4/ 5
Oleh

Subscrever

Como o artigo acima ? Por favor, assine gratuitamente via e-mail

Anterior Proxima Página inicial